Jovem é preso com vídeo no celular de abuso sexual infantil

Jovem de 19 anos foi preso na noite de sábado (19) em Cuiabá, depois que policiais militares encontraram com ele, um vídeo no celular contendo imagens de uma criança sofrendo abuso sexual.

O rapaz foi perseguido por uma guarnição da Polícia Militar no Residencial Altos do Parque, após fugir pela contramão da avenida principal do bairro, em uma motocicleta. Detido, ele resistiu à prisão e estava bastante nervoso. 

Segundo o boletim de ocorrências, L.F.S.O, 19, não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Na revista, os policiais encontraram o celular, com as imagens de pedofilia. O rapaz foi autuado por armazenar vídeo ou fotografia com registro de cenas de sexo explícito ou pornográfico envolvendo criança ou adolescente, direção perigosa, dirigir sem CNH e resistir à prisão. 

Na Central de Flagrantes, o rapaz não quis se defender. Ele pagou fiança de R$ 1.448,00 e irá responder pelos crimes em liberdade. 

Pedofilia – No início do mês, o delegado Eduardo Botelho, da Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Cuiabá (Deddica), passou a investigar a disseminação de um vídeo de uma criança de cerca de 4 anos sofrendo abuso sexual de um homem. 

Segundo a Polícia Civil, o vídeo estava sendo compartilhado por meio de aplicativos de smartphones, como Whatsapp e Telegram. Tanto o armazenamento de tais imagens quanto a difusão do vídeo são crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente. 

O delegado ressalta que o simples armazenamento ou transmissão de vídeo ou fotografia que contenha criança ou adolescente em atividades sexuais explícitas, reais ou simuladas, configura crime, sujeitando o portador do aparelho de telefonia celular à prisão em flagrante e demais consequências legais.

Fonte Gazeta Digital

Comentários