Marido é preso por matar ex-companheira a facadas

Um homem foi preso após assassinar a ex-companheira a golpes de faca. A prisão aconteceu nesta terça-feira (14), algumas horas após o crime, na cidade de Araputanga.

O preso, Sebastião Francisco da Silva, 30, estava separado da vitima a pelos menos 8 meses. Ele foi indiciado por homicídio qualificado pela traição e motivação passional. 

A Polícia acredita que o crime tenha sido premeditado. De acordo com informações da Polícia Civil, a vitima, Maria Valeide Soares, 36, foi morta em um ponto de táxi com duas facadas nas costas e uma no braço. 

O delegado Guilherme Berto Nascimento Fachinelli, que comanda as investigações do caso, acredita que o crime tenha sido premeditado, pois o suspeito teria emprestado uma motocicleta, arrumado dois capacetes e ligado para a ex-mulher marcando o encontro. "Depois ele saiu de lá, passou em casa, deixou um dos capacetes e fugiu para o sítio da irmã, a 100 quilômetros, na zona rural", disse o delegado. Maria foi atacada logo que avistada pelo suspeito, que desceu da motocicleta e desferiu os golpes. 

Já no sítio da irmã, eletomou banho e trocou de roupas para depois, já no final da tarde, retornar à cidade usando a motocicleta do cunhado e deixando escondida no mato a moto emprestada usada no assassinato. Já no sitio da irmã de Sebastião os policiais encontraram a motocicleta e as roupas usadas por ele no momento do crime, que foram reconhecidas por testemunhas. Após denúncias o autor do homicídio foi localizado na casa da atual namorada. Ele tem condenação por tráfico de drogas e ainda responde por receptação.

Fonte: Gazeta Digital

Comentários