Em Alta: Diamantino é o 9º maior exportado do estado e o 98º do país

Seis municípios apresentam alta em Mato Grosso entre os 10 maiores exportadores

Entre os 10 principais municípios exportadores de Mato Grosso seis apresentam ALTA nas negociações com o exterior em 2014 no comparativo com o ano passado. O principal destaque é Rondonópolis com o maior desempenho verificado nas exportações no acumulado do ano, até outubro, que registrou aumento de US$ 880,7 milhões em 2013 para US$ 1,163 bilhão em 2014. O município da região Sul é o segundo no ranking mato-grossense e o segundo melhor posicionado do estado no ranking nacional ocupando o 36º lugar. 

O líder segue sendo Sorriso. Conforme a balança, Sorriso apresentou leve ALTA de US$ 1,269 bilhão para US$ 1,293 bilhão no comparativo de um ano para o outro. Sorriso perante o ranking nacional é o melhor colocado de Mato Grosso ocupando a 27ª. Cuiabá também teve acréscimos no comparativo de 2014 com 2013 e ocupou o 3º lugar no ranking estadual e 55º no nacional. 

A CAPITAL mato-grossense negociou US$ 786,4 milhões neste ano, contra os US$ 778,7 milhões do ano passado entre janeiro e outubro. Entre os seis municípios que apresentaram aumento nos embarques encontra-se Nova Mutum em 4º lugar no ranking mato-grossense e 61º no nacional. 

O município localizado no Médio-norte registrou salto de US$ 674,3 milhões negociados o ano passado no período para US$ 725,01 milhões em 2014. Sinop é o 8º município que MAIS exportou em Mato Grosso e o 96º do BRASIL . De um ano para o outro subiu de US$ 336,5 milhões para US$ 444,7 milhões suas negociações. 

Diamantino é o 9º maior exportado do estado e o 98º do país e apresentou desempenho positivo de US$ 396,7 milhões para US$ 423,6 milhões. Em queda, porém bem posicionados Lucas do Rio Verde é o 5º maior exportador de Mato Grosso e o 79º do Brasil, contudo no acumulado das exportações até outubro registrou US$ 525,1 milhões em negociações, valor este menor que os US$ 676,2 milhões do ano passado no período. 

O mesmo é verificado com o 6º melhor colocado do estado e 81º do país. Sapezal apresentou decréscimos de US$ 553,4 milhões para US$ 523,6 milhões. Primavera do Leste diminuiu de US$ 595,1 milhões para US$ 450,2 milhões e ficou em 7º lugar no ranking estadual, porém em está entre os 100 maiores exportadores brasileiros em 95º lugar. Campo Novo dos Parecis é o 10º maior exportador de Mato Grosso e o 99º do país. Suas exportações caíram de US$ 575,08 milhões em 2013 para US$ 423,2 milhões em 2014. 

Até outubro Mato Grosso exportou US$ 13,210 bilhões, volume inferior aos US4 13,791 bilhões de 2013. Como o Agro Olhar já comentou a redução é puxada pelo decréscimo de 49,17% no volume negociado de milho, que caiu de US$ 2,684 bilhões para R$ 1,364 bilhão.

Olhar Direto

Comentários