Morre segunda vítima de acidente em viaduto


Acidente envolvendo seis veículos - inclusive uma viatura da PM - ocorreu na madrugada de quarta-feira (26)

Mais uma vítima do acidente que aconteceu na madrugada de quarta-feira (26), no Viaduto da MT-040, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, faleceu no Pronto-Socorro de Cuiabá.

L.S.C, de 30 anos, estava dirigindo o veículo Punto, da marca Fiat, e, com o impacto, sofreu diversos traumas. 

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou o óbito às 19h20 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade hospitalar.

Ele sofreu politrauma e traumatismo crânio-encefálico. 

L.S é a segunda vítima fatal da múltipla colisão. D.K, 20, faleceu no local, após bater seu veículo, um Corolla, com o Punto e um Gol que estava parado na contramão no viaduto.

O dono do Gol, J.L.J., estaria embriagado e foi preso em flagrante. 

PM atingido

O cabo E.D.S, 45, lotado no 9º Batalhão da Polícia Militar está com o quadro de saúde bastante delicado, segundo os médicos.

Ontem (27), no período da tarde, ele sofreu uma parada cardíaca e os rins dele estão parando.

Segundo os médicos, devido à pressão arterial dele, uma hemodiálise não podia ser feita ontem, por risco de causar uma nova parada cardíaca.

Ele continua respirando por aparelhos, quadro considerado gravíssimo e instável.

O cabo passou por um procedimento cirúrgico na tarde de quarta-feira (26) na região do crânio para colocação de dreno no local do hematoma e o paciente iniciou o tratamento de hemodiálise hoje.

A equipe médica ainda aconselhou a família a não trocar o PM de hospital, devido a gravidade do caso. 

Médicos da PM estão acompanhando o caso e ele está sendo assistido 24 horas por dia.

Casos graves

Outro caso que também é considerado de extremo cuidado é o de J.P.B., 27 anos, que ainda permanece internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sedado.

Ele era passageiro do Punto envolvido no acidente e sofreu contusão pulmonar e aspiração brônquica no momento da colisão. 

A outra vítima do caso, J.P.F, que sofreu trauma na bacia e diversos ferimentos pelo corpo, também continua internado, sob observação. 

M.L., de 18 anos, também segue internado na UTI, mas sedado. Ele sofreu contusão pulmonar, laceração do fígado e fratura do quadril. Apesar de ser considerado caso grave, está estável.

O acidente

Na madrugada desta quarta-feira, o motorista J.L.J. parou seu carro, um Gol de cor preta, na contramão no Viaduto da MT-040, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, na Capital.

Ao verificar a razão pela qual o motorista havia estacionado na contramão, Demétrios passou a sinalizar a pista, mas acabou sendo atingido por um outro veículo Gol, que descia o viaduto.
 
Segundo a PM, a pista estava sinalizada e o giroflex da viatura estava ligado, mas isso não foi o suficiente para o motorista reduzir a velocidade.

A viatura da PM foi atingida e, na sequência, mais três veículo se envolveram no acidente, resultando em uma morte e mais seis feridos.

Outros seis veículos, inclusive a viatura da PM foi atingida. Um policial que estava fazendo a sinalização da via também está internado em estado grave. 

Mídia News

Comentários