Governo realiza palestra sobre combate à corrupção


Palestra sobre a prática compliance foi acompanhada por secretários e seus adjuntos

Redação/Gcom-MT
Meneguini/Gcom-MT

O Gabinete de Transparência e Combate à Corrupção (GabTCC) realizou nesta sexta-feira (17.04), no salão nobre Cloves Vettorato, a palestra sobre compliance na administração pública, com o bacharel em direito e especialista em compliance, Matheus da Cunha, membro da Comissão de Direito Civil e Processo Civil da Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso (OAB/MT).

Na palestra aos secretários de Estado e seus adjuntos, foi reforçada a necessidade do combate à corrupção no serviço público. Segundo o palestrante, uma série de medidas vem sendo adotas pelo país, desde o ano 2000, para enfrentar o problema. “Entre as medidas, esta a Lei Anticorrupção de 2013, que se compara a lei americana. Nesta legislação existe uma forma da empresa e da administração pública agir internamente para evitar ou mitigar atos de corrupção”, disse Matheus.

O palestrante conta que nos Estados Unidos a medida é chamada de compliance. “O compliance hoje é um instituto eminentemente privado, mas pode ser implementado na administração pública. O nosso objetivo é disseminar essa cultura na alta cúpula do governo para que essa cultura da ética possa se irradiar para todos os servidores”, destaca.

Segundo a secretária extraordinária de Transparência e Combate à Corrupção, Adriana Vandoni, a palestra não é uma ação isolada e faz parte de um planejamento desenvolvido pela pasta. “A cada mês teremos uma palestra, curso ou workshop voltada para a alta administração. Entendemos que a mudança de uma cultura organizacional só é possível com o exemplo e com a vontade do alto comando, que é quem mais influência no andamento das secretarias”, afirma.

Governador Pedro Taques também participou do encontro Governador Pedro Taques também participou do encontro
Adriana ressalta que é preciso ter o apoio de todos os servidores para mudar a forma de gerir o Estado. “Teremos ações para todos os servidores, no dia 05 de maio iniciaremos um circuito em todas as secretarias, primeiro com os chefes de gabinete. Depois vamos à secretaria de Educação e a cada 15 dias visitaremos uma pasta”, pontua.

O governador Pedro Taques também participou do evento. Na oportunidade o chefe do Executivo destacou a necessidade de mudança na cultura do povo. “O brasileiro não nasce corrupto, é preciso que a gente acabe com esse estigma”, afirmou.


Para o governador, as ações desenvolvidas pelo GabTCC são essenciais na tarefa de lutar contra à corrupção. Taques diz ser favorável à aprovação do projeto de lei que torna corrupção como um crime hediondo. “Iniciativas como essa devem sempre acontecer, porque tem pessoas que são propensas a serem corrompidas e é preciso que estejamos sempre em alerta, vigiando todos os passos para afastar esse mal. A corrupção tira o dinheiro da saúde, da educação e mata o cidadão que está na fila do hospital esperando por atendimento”, finalizou.


Comentários