Presidentes de Conselhos de Diamantino-MT participaram de reunião promovida pelo governador Mauro Mendes com líderes de movimento comunitário.


Presidentes de Conselhos de Diamantino participaram de reunião promovida pelo governador Mauro Mendes com líderes de movimento comunitário.

A advogada Maria Claudia Heming presidente do Conselho da Comunidade da Comarca de Diamantino e o empresário Genilson Mendes presidente do CONSEG (Conselho Comunitário de Segurança) representaram tais entidades no evento que reuniu centenas de lideranças de movimentos comunitários de Mato Grosso, em que o governador Mauro Mendes ouviu demandas das lideranças e fez apresentação do que já foi feito e do que ainda há por vir no Governo.

O encontro ocorreu na manhã de terça-feira (18.02), no Palácio Paiaguás, em Cuiabá. Além de mais de 400 lideranças dos segmentos sociais, a reunião contou com a presença do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho; do secretário-chefe do Gabinete de Governo, Alberto Machado; da secretária de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria Carvalho, e de seus adjuntos; e dos deputados Max Russi, Carlos Avalone, Paulo Araújo e Ondanir Bortolini, o Nininho.

“O movimento comunitário foi o primeiro a ser escolhido para essa conversa. Porque quando nós fizemos isso, sinalizamos que o Governo está trabalhando para a maioria da população. Nesse ano de 2020 e nos próximos anos, eu quero que as ações da secretaria na área comunitária envolvam o movimento comunitário. Vamos envolver esses homens e mulheres. Porque eles vivem a realidade nos bairros. Essas pessoas podem nos ajudar a ajudar tantas e tantas pessoas que mais precisam do Estado”, garantiu Mendes.

O secretário adjunto de Assuntos Comunitários, Edio Souza, lembrou que o governador cumpriu a promessa feita na campanha eleitoral de recriar a Secretaria Adjunta de Assuntos Comunitários.

Durante o encontro, o governador elencou os principais avanços para a área social do Estado em 2019.

Infraestrutura: 64 obras concluídas, com investimento de R$ 496 milhões, e outras 119 em andamento em mais de 100 municípios. 26 pontes concluídas e 21 em andamento. Parte dos investimentos com dinheiro do Fethab.

Educação: 82 obras em andamento. 13 novas escolas construídas, 11 construções ou reformas de quadras, 18 reformas gerais e previsão de climatização de 40 unidades.

Saúde: Repasses em dia para os 141 municípios. Somente em 2019 foram repassados R$ 305 milhões relativos ao mesmo ano e outros R$ 120 milhões oriundos de dívidas de anos anteriores. Também foi feita a inauguração do Hospital Estadual Santa Casa e obras em cinco hospitais regionais (Sorriso, Sinop, Alta Floresta, Rondonópolis e Metropolitano), além do lançamento do edital de licitação do Hospital Júlio Muller.

Assistência Social: projeto SER Criança levou lazer e recreação para crianças em vulnerabilidade; programa Aconchego distribuiu mais de 100 mil cobertores; o SER Mulher trouxe conscientização contra a violência doméstica; SER Cidadão Indígena levou mais de 10 mil atendimentos de cidadania ao povo indígena; o SER Inclusivo trouxe ações voltadas às pessoas com deficiência e a Arena Encantada arrecadou mais de 83 toneladas de alimentos, tendo público superior a 230 mil pessoas.

Além disso, o governador adiantou os principais projetos para o social em 2020, como: fila zero para cirurgias; projeto Tolerância Zero na Segurança Pública; retomada das obras do Hospital Central; continuidade das reformas e estruturação dos hospitais regionais; criação do maior programa de pontes de Mato Grosso; asfaltamento nos bairros em todo o Estado, em parceria com os municípios e aquisição de equipamentos aos municípios e consórcios.






Comentários