Governo abre Arena Pantanal como Centro de Triagem para covid-19

O governo apresentou nesta segunda (20) o Centro de Triagem da covid-19 em Cuiabá, localizado na Arena Pantanal. Médicos estarão disponíveis no local para atendimento de 600 pacientes por dia, de segunda a sábado e inicialmente funcionará por dois meses. No atendimento precoce, o governo disponibilizará remédios para tratamento médico. 

O governador Mauro Mendes (DEM) e o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, apresentaram o espaço que será usado. No local será possível fazer testes rápidos e ainda tomografia aos pacientes. Os atendimentos começam nesta quinta-feira (23) e é necessário pegar uma senha que será distribuída a partir das 6h.

Mauro Mendes destacou que o Centro de Triagem só foi aberto agora porque a orientação inicial do Ministério da Saúde para tratamento da covid-19 era de ficar em casa para tratamento de casos leves. Segundo ele, o protocolo só mudou recentemente e tendo em vista o tamanho de Cuiabá e Várzea Grande decidiu abrir a unidade na Arena Pantanal. 

Segundo o governador, a unidade funcionará como extensão do Hospital Estadual Santa Casa e para ser atendido é preciso levar documento de identidade e cartão do Sistema Único de Saúde. 

Testes
Christiano Antonucci | Secom MT
978a94e510f0fe2a07344be4762a4261.jpg

No local não serão feitos testes PCR (feito com secreção do nariz), mas o governo disponibilizará testes rápidos. Gilberto disse que com os testes e a tomografia o médico conseguirá fazer uma avaliação clínica clara do paciente. 

Atenção primária
O governador e o secretário disseram que Estado está fazendo serviço da atenção primária. Segundo ele, essa era uma obrigação dos municípios, mas diante da gravidade da situação em Cuiabá e Várzea Grande foi necessário abrir o espaço na Capital. Segundo o governador, os municípios receberam recursos do Ministério da Saúde para investir no tratamento precoce da covid-19. 

Para os moradores de Cuiabá, o secretário Gilberto disse que a prefeitura comprou 100 mil kits de remédios que serão distribuídos nos postos de saúde da Capital. 

Quem for ser atendido na Arena Pantanal terá os remédios à disposição e terá que assinar há remédios sem a comprovação científica no tratamento da covid-19, como a hidroxcloroquina. O Estado espera receber o medicamento do Ministério da Saúde.

Também será distribuído no local a invervectina, dexametasona, dipirona e azitomicina. Os medicamentos só serão entregues com receita médica. 

Fonte: Gazeta Digital














Comentários